sexta-feira, 26 de agosto de 2011

Espécie do Mês

RINOCERONTE LANUDO (Coelodonta antiquitatis) 
 PERÍODO GEOLÓGICO: PLEISTOCENO
Local onde viveu: Europa (12 mil anos atrás

Perdidos na floresta e obrigados a cruzar o vale, Lírina, Garur e Kira só tiveram uma opção: Enfrentar o perigoso rinoceronte conhecido como "Peludo" para poder retornar para a aldeia. Como diria um velho amigo também do período pleistocenico: Só mais um dia no paraíso

Este é o Peludo. Garur precisou distrair o rinoceronte para proteger Lírina e Kira enquanto elas atravessavam seu território... Ufa, escaparam por um triz!... Graças ao bravo Garur, elas puderam alcançar a outra margem do Rio verde. PS: Não façam isso em casa crianças (Isto é, caso haja algum rinoceronte perto de onde vocês morem, lógico).

Lírina para Kira: Uau essa foi por pouco


Após o susto, uma pausa para descansar as margem do rio... Kira segura as mãos de Garur e agradece: Valeu amigão!



SOBRE O PERÍODO PLEITOCÊNICO
O Pleistoceno foi um período da história da terra que começou a 2 milhões da anos atrás e durou até mais ou menos 11 mil anos, está é a época em que Garuru e Kira viveram... A vida animal do pleistoceno era moderna e muitos animais e plantas que viveram na época, ainda existem até hoje. O período que vivemos hoje chamamos de holoceno.

Hoje em nossa época, ainda existem muitas espécies de rinocerontes vivos. São alguns dos animais da mega-fauna que sobreviveram até os nossos dias. Como espécie inteligente, devemos nos importar em proteje-los, para que nas próximas épocas, nossas famílias do futuro possam ve-los também!
O dia foi longo para Garur, Kira e Lírina, mas voltaram a salvo...

terça-feira, 23 de agosto de 2011

Em construção


EM BREVE - Grandes Aventuras

Está uma lameira aqui... Eu disse pra Kira que o tempo estava ruim, eu falei que ia chover muito, mas adivinha só: ELA NÃO ME ESCUTOU... ELA DISSE QUE ERA SÓ UMA NUVENZINHA PASSAGEIRA! Mas bobo sou eu mesmo que deixei ela me convencer a sair de casa para caçar. Humpf!...Olha que fria fomos nos meter! Na mata, debaixo de chuva gelada brrrrr!!!

Bem vamos ter que esperar a chuva passar! O bom é que eu acho que não vai demorar! É chuva de verão! Viva o verão pessoal!

O POEMA DA TARDE CINZENTA - POR GARUR
Tarde cinzenta, tarde gostosa, chuva caindo maravilhosa
Cheiro de terra de mato molhado o orvalho da serra em nosso telhado
Chuva caindo sem cessar, flores crescendo em seu lugar
Gota em flor, caracol, hortelã... E por favor que o sol brilhe de manhã!

Até Breve!


Clique na imagem para ampliar
(muitas surpresas em breve)